Assessor de vereador ‘tarado’ é acusado de pedofilia após assediar menina de 13 anos; veja as conversas +18

Estupro

Foca no Fato que ocorreu em 30 de setembro de 2019

Não se esqueça de compartilhar depois de ler!



Manaus – Nos últimos tempos a imprensa tem noticiado grandes escândalos no meio político amazonense, após a grande repercussão do caso do ex-prefeito de Coaria Adail Pinheiro as acusações não param de chegar as delegacias envolvendo, empresários, políticos e assessores de políticos.

Nesta última sexta feira (27) de setembro de 2019, em quanto Manaus recebia uma enxurrada que deixou a cidade debaixo de muita água, e grandes prejuízos, outras catástrofes aconteciam paralelamente em destruíam famílias e sonhos de uma menor de 13 anos.

Desta vez o Assessor do Vereador Raulzinho do (DEM) JACKSON FARIAS SENA é o mais novo escândalo envolvendo assessor de político em casos de abuso contra menores de idade, Sena é acusado por uma menor de 13 anos em Manaus, ele é o braço do direito do então Vereador Robson as Silva Teixeira, o “Raulzinho” que é vereador de primeiro mandado e filho do ex-vereador Tio Raul.

Segundo a denúncia contra o assessor parlamentar, diz que o mesmo trocava mensagens com a menor pelo aplicativo WhatsApp e enviava fotos “íntimas” para a vítima, em seguida ameaçava caso denunciasse para a família ou a polícia, na conversa obtida o assessor encaminhava suas fotos totalmente sem roupa e mostrando seu rosto sem qualquer medo, em um trecho da conversa com a vítima M. S.P, a menor pedia para ele para de enviar as fotos;

 

“ Para Jackson, eu não quero você, minha mãe vai me brigar, não envie mais essas coisas”

mais mesmo assim o assessor Jackson Sena insistia em enviar as fotos descaradamente. Percebendo que a menor estava decidida em denunciar o mesmo ofereceu dinheiro, celular para a calar a vítima, a menor decidiu denunciar e então as ameaças começaram.

“Se você falar algo para alguém eu mando te matar sua fdp”

“Tu não tem medo de morrer?”

“eu sou assessor de um vereador poderoso”

“Uma ligação dele você some, melhor tu ficar caladinha”

Após todas essas mensagens a mãe da menor M.S.P. registrou a denúncia que correr sobre segredo de justiça. Tudo que foi apreendido e que serviu de prova para embasar o pedido de prisão não vai, ou não deve, ser divulgado pela imprensa, porém, o pouco que os jornalistas viram foi de arrepiar. Tentamos contato com o gabinete do vereador Raulzinho do (DEM) mais não obtivemos resposta.

fonte: https://portalcm7.com/noticias/policia/escandalo-assessor-de-vereador-tarado-e-acusado-de-pedofilia-em-manaus